Harmonização de cervejas com doces: um mundo de possibilidades

300
cervejas com doces

Você que já conhece um pouco (ou nem tão pouco assim) sobre cervejas artesanais, certamente já ouviu fala sobre a harmonização de cervejas e comidas. O termo é bastante vasto, assim como as possibilidades. Mas você sabia que essas combinações também são infinitas quando falamos em harmonização de cervejas com doces?

Pois é! As alternativas são tantas e as combinações tão deliciosas, que fica difícil até de saber por onde começar e já dá água na boca só de pensar. Então prepare as papilas gustativas por que hoje nossos especialistas vão te guiar em uma verdadeira viagem por esse mundo de possibilidades das harmonizações de cervejas e doces.

E quem estiver pensando que estamos loucos, é por que certamente nunca provou uma trufa de chocolate com uma Stout!

Aliás, quando pensamos em sobremesas e doces, o chocolate é quase uma unanimidade nas nossas mentes chocólatras. E só no tema “chocolates e cervejas” poderíamos escrever facilmente um livro de possibilidades de combinações magníficas. Mas a ideia aqui é outra: mostrar o caminho e a partir daí deixar a sua imaginação e criatividade fluírem.

Combinações mais fáceis de se imaginar

São geralmente aquelas que apresentam sabores e aromas semelhantes tanto na cerveja, quanto na comida. No caso dos chocolates, as cervejas mais escuras, como Stouts e Porters, que têm maior presença de maltes tostados são escolhas seguras e certeiras, pois esses maltes apresentam notas de chocolate, café, caramelo e toffee, que se assemelham muito às do próprio doce. Você não sabe onde acaba o chocolate e começa a cerveja.

Chocolate amargo

De maneira geral, chocolates mais amargos, com alto teor de cacau, pedem cervejas mais intensas e tostadas, como a Shipyard Imperial Stout , por exemplo, ou até uma La Trappe Quadrupel, que apresenta alto teor alcoólico, maior dulçor e corpo, capazes de amenizar o elevado amargor deste tipo de chocolate, além de notas frutadas que aumentam a complexidade e acrescentam outros sabores à combinação.

Chocolates ao leite

Que são mais doces e com alto teor de gordura, podem combinar com cervejas menos robustas e até com níveis mais altos de amargor para contrabalancear o excesso de dulçor desse tipo de chocolate, que é o caso de uma American Brown Ale como a Anchor Brekle’s Brown que apresenta uma base de maltes tostados mais leve e possui um amargor mais perceptível. Ou até uma Doppelbock, como a incrível Ayinger Celebrator que se assemelha no dulçor e na tosta e acrescenta notas de frutas secas ao chocolate.

Chocolate branco

O chocolate branco, que é o mais doce entre todos, precisa de uma cerveja que possua elementos que amenizem esse dulçor e essa gordura para proporcionar uma experiência agradável ao paladar. Uma cerveja ácida e com adição de cerejas, como a Liefman Kriek Brut  pode proporcionar uma harmonização surpreendente como se a cereja já estivesse dentro do chocolate.

Seguindo a linha de harmonização com cervejas ácidas e frutadas, esses estilos podem ser ótimos coringas para diversas sobremesas e doces, pois as frutas trazem um certo frescor e, juntamente com a acidez, amenizam o dulçor e a gordura dessas guloseimas. Experimente degustar uma bela cheesecake com a cerveja artesanal belga Floris Framboise, que leva uma grande quantidade de framboesas em sua receita. Ou ainda, tente usar uma Anchor Giants Orange Splash, que leva suco de tangerina, como calda para uma salada de frutas. Ela vai te lembrar daquela laranja espremida da salada de frutas da infância e você vai se surpreender com o resultado!

cervejas com doces
Chocolate é quase uma unanimidade nas nossas mentes chocólatras

Frutas

Por falar em frutas, elas são sempre amplamente utilizadas para fazer deliciosos bolos, tortas e diversas sobremesas maravilhosas. Harmonizar um bolo de banana com a Coruja Alba Weizenbock, é uma experiência muito agradável. Este estilo de cerveja apresenta notas intensas de banana caramelizada que vão se assemelhar de forma brilhante com o bolo. E você quer uma dica de ouro? Antes de comer, jogue um pouquinho da cerveja em cima do bolo de forma que ele fique molhadinho, fica sensacional!

Com esse calor, um doce que faz bastante sucesso é a torta de limão. E quem disse que as cervejas amargas não combinam com doces? Então, experimente harmonizar essa iguaria com a cerveja Stone Delicious IPA, uma American IPA bastante cítrica e refrescante, que vai proporcionar uma bela experiência para o seu paladar.

Uma deliciosa Panna Cotta de frutas silvestres harmonizada com uma Belgian Dark Strong Ale, como a Delirium Nocturnum, é simplesmente fascinante. As notas de frutas passa, chocolate e condimentos dessa cerveja vão elevar a sua sobremesa a outro nível.

Outra cerveja um pouco menos intensa, que também apresenta notas de frutas passas e leve condimentação são as do estilo Belgian Dubbel, como a St. Bernardus Pater 6, que casa perfeitamente com um outro doce que já vem aparecendo nas prateleiras dos supermercados nessa época do ano: o Panetone. Um dos doces mais famosos da Itália (se não o mais famoso), que está se tornando cada vez mais comum também em terras tupiniquins é o Tiramisù. Ele leva basicamente café, biscoito champagne, queijo mascarpone e chocolate, que trazem uma combinação leve, mas complexa. Uma cerveja bastante interessante para acompanhar esse clássico seria a Shipyard Chocolate Milk Stout uma bela representante do estilo Sweet Stout (ou Milk Stout) que leva lactose e nibs de cacau em sua receita. Você vai sentir como se tivesse um cappuccino acompanhando perfeitamente o seu Tiramisù.

Sorvete

Partindo da Itália para a França, esbarramos em outro clássico que faz o maior sucesso no Brasil. Mas antes de revelar qual é este delicioso doce francês, sugerimos que sirva uma bola de sorvete de creme ou baunilha, abra uma garrafa da maravilhosa Founders KBS , e despeje em volta do seu sorvete de modo que ele fique “ilhado“ no centro do prato. Agora pegue um pouco do sorvete junto à cerveja e deguste. Esse é o nosso Petit Gateau cervejeiro. Essa icônica Imperial Stout é aveludada, encorpada, produzida com uma grande quantidade de chocolate e café e envelhecida por 1 ano em barris de uísque Bourbon, e aqui ela vai cumprir de forma majestosa o papel do brownie para nossa sobremesa. É de comer de joelhos!

Churros

Outro doce muito comum por aqui é o churros recheado com doce de leite. Sejam os comprados nos carrinhos da praça ou aqueles mais gourmetizados de restaurantes estrelados, eles são simplesmente irresistíveis. Com alto índice de intensidade e dulçor, essa harmonização pede por uma cerveja também mais robusta e encorpada, como a Três Lobos Bravo, representante do estilo Imperial Porter, ela é envelhecida em barril de madeira amburana,cremosa, negra, de alta complexidade e com paladar rico, com intensas notas de café, chocolate, caramelo e defumado. Esta é uma cerveja que harmoniza muitobem com pudim de leite condensado também.

Bom, já deu pra ver que as possibilidades são inúmeras e uma é mais apetitosa que a outra. Então não perca tempo, escolha suas cervejas e faça bonito na hora de harmonizá-la com o seu doce favorito. Depois não deixe de nos contar sua experiência.

Em nossa loja virtual The Beer Planet você encontra essas e muitas outras cervejas com dicas de harmonização de nossos especialistas.