Compartilhando cerveja com seu amor: depoimento de 3 casais que bebem juntos.

1397
Group of friends having fun in a pub

O Dia dos Namorados se aproxima e, para comemorar, nada melhor que compartilhar boas cervejas com o seu amor. Afinal, casal que bebe unido, permanece unido! Para falar sobre cerveja a dois, o The Beer Planet convidou três casais cervejeiros, que em uma conversa descontraída, contaram um pouco sobre como a cerveja está presente em suas vidas. Vamos conferir?

A primeira que abriu o jogo foi a carioca Amanda Henriques, que é editora do blog Maria Cevada junto ao seu companheiro Anderson Senne. Ela conta: “Eu comecei a gostar de cervejas artesanais um pouco antes de conhecer o Anderson. Ele ficou maravilhado quando eu disse que existiam cervejas até com ‘gosto de bacon’. Provamos uma Rauchbier pouco tempo depois e trabalho feito! Ele não só amou esse universo, como virou meu parceiro no site e se apaixonou pelo mundo de produção de cervejas. Hoje sou sommelière e ele homebrewer, e também está estudando para ser sommelier. Nossas viagens mais marcantes foram para a Bélgica, quando tivemos a oportunidade de conhecer muitos mosteiros, e para a Alemanha, onde fizemos um passeio fantástico por diversas regiões e conhecemos suas cervejas locais, além de participar da Oktoberfest de Munich. Nós adoramos sair e conhecer novos bares, mas também curtimos uma cervejinha em casa, conversando com calma sobre a experiência sensorial ou despretensiosamente, assistindo a uma série bacana. Aqui em casa não rola briga porque temos dois acordos: não assistimos um sem o outro a episódios novos de séries que os dois acompanham, e não bebemos sozinhos cervejas que o outro nunca experimentou. Acho que essa é a fórmula para um relacionamento duradouro! (risos) Estamos juntos há quase cinco anos.”

A cerveja que mais marcou o casal foi a Aecht Schlenkerla Rauchbier Urbock, uma clássica Rauchbier alemã.

Outra cervejeira que contou tudo para a gente foi a Livia Gabrich, de Petrópolis – RJ. Ela e seu parceiro Gustavo Kloh sobre postam as cervejas que degustam no Instagram, no perfil Unidos pelo Lúpulo. A Livia disse: “Nossa primeira experiência com cervejas especiais foi na lua de mel. Fomos para Gramado e estávamos em um bar, quando olhei para o lado e vi que a maioria das pessoas estava bebendo uma cerveja que nunca tínhamos visto. Falei para o Gustavo: ‘Essa cerveja deve ser muito boa, vamos pedir também!’ Na ocasião, era a Coruja Extra Viva. Depois desse dia, começamos a comprar várias cervejas diferentes para degustar e também começamos a ler muito sobre o assunto. Em 2015, criamos o @unidospelolupulo para compartilhar nossas experiências cervejeiras. No ano seguinte, fizemos nossa primeira cerveja na panela e nos formamos como Sommelier de Cervejas. Nas férias, sempre buscamos destinos cervejeiros para conhecer novos rótulos, cervejarias, bares… Enfim, tudo que envolva cerveja. Nossa geladeira está sempre cheia, com cervejas de diversos estilos. Estamos sempre buscando experimentar rótulos novos e fazer harmonizações, mas sempre juntos! Se um dos dois pegar uma cerveja na geladeira e beber sozinho, dá briga. (risos)”

Hoje, uma das cervejas que mais gostam de beber juntos é a Chimay Blue, que é perfeita para um jantar romântico.

Recebemos ainda o depoimento da sommelière e modelo gaúcha Jéssica Lopes, que dá diversas dicas sobre cerveja artesanal através do seu canal no YouTube Femme Fatale by Jeh. No Instagram, ela sempre posta fotos degustando cerveja com seu namorado, mas conta que ela o trouxe para o maravilhoso universo cervejeiro: “Eu e o Gabriel amamos beber juntos e fui eu que iniciei o menino nesse mundo! Já trabalhava na área quando começamos a namorar, então ele quis me acompanhar, seja em eventos ou bebendo em casa. Ainda não tivemos uma viagem cervejeira, mas estamos planejando um final de semana romântico na Serra Gaúcha… Visitando cervejarias, claro! (risos) Ele é bem comportado e nunca bebeu sozinho as cervejas que estão na geladeira – vamos ver até quando. E eu estou gostando de ver: se interessa, pergunta sobre o estilo, quer saber a história, como produz… Já temos até um estilo favorito do casal, Stout! Esse é o meu guri.”

Apesar de preferirem cervejas escuras, Jéssica conta que o casal adora todas as cervejas da Tupiniquim.

Gostou de conhecer um pouco mais sobre esses queridos casais cervejeiros? Se você também gosta de beber com seu par, conte para a gente. E do dia 12 de junho, pegue uma cerveja e dois copos para comemorar!